O método Montessori e o nosso sistema escolar tradicional.

mm1951Muitos se perguntam talvez, “se o método Montessori é tão maravilhoso como dizem, porque ele não se solidificou como método principal no nosso sistema de ensino?”

Esta pergunta é muito legítima. Para  explicar temos que voltar um pouco no tempo. Ainda no início do século XX quando o método montessoriano começou a ficar conhecido e criar força, Maria Montessori  enfrentava  uma  Europa ainda machista e arcaica com muito preconceito por ser mulher e estar alcançando na época tamanha atenção e importância na área científica. Ela tinha seu espaço, porém limitado. Montessori já previa portanto, que suas descobertas iriam prevalecer com o tempo. Foi onde começou então a apresentar seu método nos Estados Unidos, que na época se mostrava um país aberto à novas idéias. Seu trabalho foi um sucesso neste país. Até os dias de hoje os EUA é um dos países que mais usa e propaga o método montessoriano de ensino. Devido ao sucesso no novo continente, Maria Montessori fica ainda mais conhecida na Europa e justamente quando sua forma pedagógica estava prestes a tomar um rumo de âmbito nacional, ou seja, estava prestes a ser implementada como método tradicional no seu país de origem,  o fascismo entra no poder na Itália e começa a segunda guerra mundial.

Um método que incentivava a autonomia de pensamento, a unidade entre o homem e a natureza, a igualdade  de direitos entre homens e mulheres, a liberdade de escolha e de pensamento religioso e uma educação para a paz não interessava de forma alguma a um regime fascista. Ela se negava categoricamente a deturpar seu método em pró de um regime político que não condizia com seus valores morais. Por esta razão, o método Montessori foi vetado na Itália da época e Maria teve que entrar em exílio em 1933. Seu primeiro país no exílio foi a Espanha, depois Índia e Holanda.004287

Numa época tão conturbada como o da segunda grande guerra, era difícil a divulgação de um método educacional que propagasse a liberdade de pensamento e de escolha. Mesmo assim, Maria Montessori conseguiu no exílio,  apresentar seu método por muitos países em todo o mundo. Além do quadro político difícil, outro motivo pelo qual talvez o método tenha tido uma certa dificuldade de propagação seria o fato de Maria Montessori nunca ter aceitado concessões e deturpações com relação aos fundamentos e prática de seu método.

Ela sempre foi muito segura de suas descobertas e  deixava muito claro que seu método havia de perdurar pelos tempos difíceis. Aos críticos afirmava também que seus materiais não eram estáticos, que haveria sim com o decorrer do tempo, novas idéias, novos materiais, mas não se mudaria a estrutura, pois esta não havia sido inventada por ela de maneira arbitrária, mas era o fruto da observação da estrutura  do processo de aprendizagem natural da criança.

Justamente esta segurança, a ausência de concessões e o quadro político difícil da época foram provavelmente as razões pela qual seu método não tenha se espalhado como fonte principal no século XX.

Embora não se use o método montessoriano na sua íntegra nas nossas escolas tradicionais de hoje, muitos dos seus princípios são indispensáveis no nosso ainda atual sistema educacional.

Você sabia que os seguintes ítens devemos a Maria Montessori?

  • Mesas, cadeiras, móveis em geral e utensílios do cotidiano adaptados ao tamanho 004520da criança nos jardins de infância
  • A idéia de que criança aprende brincando, assim como o uso de brinquedos e materiais didáticos divertidos
  • O conceito que a criança tem uma forma própria de ser e não é um adulto em miniatura
  • A importância do meio ambiente para o aprendizado da criança
  • Como é importante que a criança seja estimulada desde pequena
  • O conceito que a criança deve ser estimulada desde o nascimento e que não é perda de tempo se ocupar com a criança antes dos 6 anos de idade, como era o pensamento da época.
  • A idéia que a escola e comunidade tem que trabalhar juntas para um bom funcionamento educacional
  • Que cada criança tem seu potencial e que a escola existe para ajudá-la a desenvolver este potencial.
  • A idéia da existência dos períodos sensíveis de aprendizado, hoje comprovada pela neurologia
  • Que a criança por natureza tem curiosidade pelo seu meio e tem a necessidade de aprender

  E hoje? Qual a posição deste método nos nossos dias?

Hoje o método e material montessoriano é usado no mundo inteiro com a tendência 002236crescente de expansão. Seus fundamentos pedagógicos e muitos de seus materiais didáticos estão presentes nos países “de ponta” nórdicos europeus como a Finlândia, Dinamarca e Noruega. Também nos EUA, na maioria dos países europeus (principalmente na Alemanha), e em muitos países asiáticos. A América Latina espanhola também está bem representada. No Brasil e Portugal, embora haja uma ou outra instituição que use o método, este está apenas começando a ser conhecido.

Simone Clemens/ pedagoga montessoriana pela associação Montessori de Aachen/Alemanha – filiada a AMI Associação Internacional Montessori e e especialista em superdotação na infância e na adolescência pela IFLW/Alemanha

 

Anúncios

4 comentários em “O método Montessori e o nosso sistema escolar tradicional.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s